Inteligência Artificial revolucionando os negócios

A tecnologia já mudou os negócios com a digitalização de processos, gestão de documentos e controle de estoque, e, agora, a Inteligência Artificial (IA) está indo além e deve transformar, completamente, todas as esferas do

A tecnologia já mudou os negócios com a digitalização de processos, gestão de documentos e controle de estoque, e, agora, a Inteligência Artificial (IA) está indo além e deve transformar, completamente, todas as esferas do setor, se tornando uma ferramenta essencial antes, durante e após as vendas.

 

Com o poder de analisar grandes quantidades de dados, automatizar ações e aprender com os resultados, a IA tem o potencial de fazer que as áreas de vendas trabalhem de forma mais inteligente e efetiva, criando oportunidades de negócios reais.

 

Dentro da Inteligência Artificial, encontramos diferentes tipos de aplicações tecnológicas que podem ser utilizadas para aprimorar as vendas.

 

MACHINE LEARNING

É comum as pessoas utilizarem os termos Inteligência Artificial e Machine Learning como uma só ideia, mas trata-se de conceitos diferentes. De forma bem simples, a tecnologia Machine Learning ou Aprendizado de Máquina é uma subcategoria dentro da IA, que coleta dados e utiliza algoritmos para aprender com eles, e, então, determinar uma ação ou fazer uma previsão.

 

Sabe quando você faz uma pesquisa em um site e depois vê anúncios em suas redes sociais sobre o produto que estava procurando? É a tecnologia que registra e analisa seu comportamento de navegação e, com isso, pode oferecer uma abordagem customizada de acordo com o seu perfil. Porém, essa é uma das utilizações mais simples e comuns de Aprendizado de Máquina em vendas.  Cada dia mais, sua aplicação se torna mais específica e efetiva.

 

Analisando o comportamento on-line de potenciais clientes, a tecnologia consegue traçar previsões e dizer se esse cliente está pronto para fazer uma compra. Essas informações são passadas para a equipe de vendas, que pode fazer uma abordagem comercial mais adequada no melhor momento, aumentando as chances de sucesso.

 

A empresa de tecnologia, SAP, apresentou este ano no SAP Forum, maior evento de negócios e tecnologia da América Latina, o showcase Vitrine Inteligente. Trata-se de uma nova era da aplicação de Machine Learning, neste caso, aproveitando a abordagem off-line. Com a tecnologia SAP Leonardo Machine Learning foi possível criar vitrines interativas: quando o potencial cliente para em frente à loja, uma câmera capta sua imagem e identifica informações como características físicas, idade, sexo, as cores de suas roupas e quais acessórios está utilizando, e, por meio de uma leitura mais profunda das suas expressões, define até seu humor. Com esses dados, o sistema apresenta, em uma tela, diferentes sugestões personalizadas de compra.

 

“A Vitrine Inteligente ainda se conecta à Internet e explora feeds sociais e outras fontes para descobrir as tendências da moda e os últimos lançamentos. Tudo isso proporciona uma experiência de compra única, intuitiva e personalizada para o consumidor”, explica Elia Chatah, especialista em soluções de Varejo da SAP Brasil.

 

Para os lojistas, além dos benefícios na experiência do cliente, também é possível obter previsões de demanda, o que auxilia na tomada de decisão de compras e evita tanto a falta de produtos quanto estoques excessivos.

 

Clique nas imagens para ampliar

 

CHATBOTS

As empresas sabem que é muito mais difícil conquistar um novo cliente do que fazer uma nova venda para alguém que já comprou de você. Por isso, investir em fidelização é fundamental, e o atendimento e o envolvimento do cliente no processo de compra e no pós-venda são definitivos para que ele seja fidelizado ou não.

 

“Chatbots podem ser grandes aliados nesse desafio. Eles estão sempre disponíveis para os clientes, a qualquer hora e lugar, e podem realizar inúmeras tarefas junto com o cliente, como acompanhar um pedido, sugerir produtos, encontrar itens, gerenciar o carrinho e muito mais”, afirma Rodrigo Marcondes, vice-presidente de vendas para SAP Hybris no Brasil.

 

Um exemplo é o assistente virtual Charly, desenvolvido pelo centro de pesquisa e desenvolvimento da empresa SAP Hybris. Ele é inteiramente dedicado a simplificar o dia a dia dos consumidores por meio de apps de mensagens instantâneas. Além de auxiliar o cliente em diversos tipos de interações, o Charly pode até fazer buscas por meio da simples inserção de emojis. O chatbot utiliza Machine Learning para aprender continuamente e aperfeiçoar o seu atendimento aos usuários.

 

Segundo uma pesquisa recente da consultoria Gartner, em alguns anos, 89% das empresas competirão principalmente para oferecer a melhor experiência do cliente, e, em cinco anos, a IA gerenciará 85% das relações com o cliente. Depois de automatizar processos massivos e repetitivos, chegou a vez de a Inteligência Artificial trazer melhores resultados para as empresas, sejam elas grandes corporações ou pequenas e média empresas.

 

TECNLOGIA | Matéria publicada na edição 102 da Revista Versatille